27 de março de 2014

Para bebés

Não tenho trabalhado o tricot e o crochet muito activamente, às vezes passo dias sem lhes tocar. Na 3ª feira voltei a fazer crochet (desde o fim da manta de estrelas e um entremeio da manta que estou a fazer a passo de caracol para o meu sofá - esta é sem dia marcado para fazer ou terminar, para ir fazendo...) um ripple, o meu 1º ripple, para a cama de grades do meu bebé e segundo as medidas que obti bem dá para uma cama de tamanho de criança ;o) As cores serão as mesmas que a da manta de estrelas e seguindo este esquema decidi fazer o bordo direito ao invés de manter o zig zag do ripple.
Neste post posso demonstrar-vos como fiz as franjas do Dayflower Scarf. Não sei se foi derivado da lavagem mas as franjas ficaram torcidas e com a demonstração que faço aqui no blog não faço ideia se as mesma irão torcer com a lavagem. Na Dayflower usei novelo de algodão e nesta demonstração fiz com acrílico e para a execução das franjas usei uma régua para manter as franjas com a mesma medida.
Trabalhos em tricot em curso e agora um pouco parados são 2 casacos, o Puerperium Cardigan, um em algodão (confesso não gostar muito de tricotar em algodão, especialmente o fino, por achar que não consigo um ponto perfeitinho) e outro em acrílico para bebé mas com mudança de ponto principal, todo em ponto mousse. O casaco verde será para um bebé de Verão e o bege para o meu ;o)
Boa semana para voçês ;o)



os casaquinhos em tricot

 Franjas em crochet
faço o inicio e puxo o fio conforme o tamanho da franja pretendido

na corrente seguinte puxo uma laçada do fio do novelo

nova laçada

e fecho

aperto o ponto e puxo até ao tamanho pretendido para a franja
(para o cachecol que fiz inseria cada franja dentro de uma régua de cartão)

volto a repetir os passos anteriores 





8 comentários:

  1. O ponto ripple é viciante, mas muito susceptível de me enganar... cheguei a desmanchar carreiras inteiras... mas fica lindo! Adoro este colorido que escolheste!

    Os casaquinhos são uma delicia para os olhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou a gostar do ripple e por acaso ainda não me deu para enganar em carreiras quando estou a fazer mal dou logo com o erro porque já tenho a ideia que os aumentos e diminuições batem sempre em determinados buraquinhos e quando isso falha, vou ver e esqueci-me por exemplo de fazer um dos 3 pontos altos ou nas diminuições faço 2 em vez de 3, estes são os meus erros mais comuns, mas ainda bem que dou logo com eles ;o) Como está sempre a repetir memorizo bem e o melhor não tenho que pensar muito enquanto faço, o que é uma das razões para dedicar-me mais ao crochet, enquanto no tricot quando me perco é caso para 'chorar' ;o)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Vai fazendo com calma. Tb tiveste uns dias complicados, normal não teres adiantado nada. Adoro as cores mais uma vez, e acho que o quartinho vai ficar lindo com as duas colchas... =D

    ResponderEliminar
  3. Olá!

    Adoro as cores e o ponto (que confesso, ainda nunca experimentei, mas estou cheia de vontade de fazer)! Está lindo!

    E os casaquinhos também estão muito bonitos!

    Nem sempre temos vontade de fazer o crochet e o tricot, mas acho que o importante é andarmos ao nosso ritmo!

    Bjs

    ResponderEliminar
  4. Eu disse que o ripple era viciante :) hi hi hi
    E essas cores são maravilhosas, lindas, vivas, coloridas, cheias de alegria :) Já está a ficar linda a manta :)
    Esses casaquinhos são um amor :)
    Obrigado pela dica das franjas ;)

    ResponderEliminar
  5. Está a ficar tudo muito giro, mas a minha predileção é mesmo esse ripple colorido. Lindo!

    ResponderEliminar
  6. Olha hoje não consigo ver as imagens do teu blog !!!!
    Preciso do teu email e não encontro aqui no blog, será que mo podes enviar?
    Jinhos
    artesmanuais.aconchego@gmail.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo aviso Goreti, é o que dá mexer no que não se deve, cabeça a minha ;o)
      Já enviei email. Beijinho

      Eliminar