16 de março de 2017

Tempo

Passou mais de um mês sem passar por cá mas tenho mantido as leituras presentes dos blogs que sigo. Comentar mais está nos meus planos mas o tempo não estica e gosto de fazê-lo com tempo e silêncio. Doenças dos pequenos, dias mais escuros psicologicamente, dias alegres e produtivos, noites privadas de sono, noites boas... é um misto de tudo que aconteceu nestes últimos tempos. Criativamente o balanço é positivo. Tenho usado mais com o que tenho em stock mesmo que isso não me permita fazer o que mais gostaria de fazer, tricotei e bricolei. Ando numa de aproveitar tudo, ao máximo e tiro muito proveito disso. Não faço por fazer, é mesmo uma necessidade de ocupar o meu tempo e preencher o que me faz falta. Daí que o tempo precioso tem que ser distribuido por isso tudo e por tudo o resto, que é muito, a família.
Para terem uma ideia  doq ue fiz até agora:

♥ 2 pares de meias, um para casa filho para aproveitar o que sobrou de outras meias que tricotei:


♥ 1 par de meias para mim, mais altas e todas às riscas para aproveitar restos de outras meias que tricotei:


♥ comecei  par de meias para oferecer, essas vão ser bem altas ! ainda estou em curso mas já tenho as duas começadas pelo calcanhar.


♥ tricotei um boneco, improvisei um coelho baseando-me numas instruções que comprei em tempos da designer Julie Williams. Terminei e é uma menina, a Dalila ! Executei a boneca com o pouco que sobrou do meu casaco, apenas deu para a cabeça, o resto fiz com a lã de umas luvas que desmanchei que já não serviam ao meu filho e também porque pretendo fazer-lhe umas mais funcionais, de dedos, futuramente.




♥ Tricotei 2 golas em tricot: uma baseando-me novamente num esquema da Leaving Cowl que partilhei no post anterior a este mas que no fim improvisei. E outra gola mais estreita porque o fim não chegou para mais com um ponto que gostei (http://www.knittingstitchpatterns.com/2014/09/classic-aran-honeycomb.html). Por esta altura muitos julgava que o frio tinha ido embora !


♥ Então comecei outras meias para aproveitar mais restos de lã para meias e até comecei a desmanchar um xaile em crochet que tinha começado com o motivo de flores japonesas para poder reutilizar nestas meias. O crochet perdeu 'terreno' nas minhas mãos, revejo-me mais no tricot, pela economia de gastar menos lã mas porque é a minha ocupação favorita. Estou a basear-me nas Jaywalker socks, e digo basear porque a opção do Fish Lips Kiss Heel obrigou-me a fazer alterações. Agora com as duas meias a par, já acima do calcanhar tricoto-as ao mesmo tempo. Não é fácil e só  faço porque só tenho um par de agulhas dessa espessura e quero mesmo fazê-las ao mesmo tempo para gerir os restinhos de lã que tenho de forma mais proporcional.



♥ e nada a ver com o tricot: fiz uma mesinha de cabeceira para o meu filho mais velho com a estrutura de uma cesta/cubo de verga que apenas servia para cumular pó, coisa que com problemas alergias não pode ser. Usei restos de outras madeiras e betume para regularizar. Agora aguarda por inspiração e tempo para pintar...



Boa semana e fim de semana a quem aqui passa !





7 de fevereiro de 2017

Casaco Novo

E apesar de ter em mente que podia ter optado pelo tamanho abaixo fiquei um pouco reticente quando fiz a amostra não fosse depois ficar justo demais. A lã que utilizei é a Miltons Winter Tweed e foi a mesma que utilizei para esta camisola, aqui já concluída e da aprendizagem que tirei dela, é que é uma lã que alarga um pouco e como o padrão deste casaco também abre bastante tive esse receio. No entanto prefiro o casaco assim.
Este casaco cresceu no meio de incertezas minhas de saúde, vinha desde o ano passado a coleccionar inflamações num olho e depois de a ter confirmação da razão desse problema, relaxei e empenhei-me em concluí-lo. Diagnosticaram-me uma pansinusite, ou seja inflamação de todos os seios nasais que teve repercussões num dos olhos, estava e estão de tal maneira inflamados que começaram a afectar a visão, com isso e todas as inflamações no olho esquerdo ganhei mais miopia... Agora tenho algo para a vida inteira, que mesmo sem dar sinais dolorosos está aqui ´do nada pode voltar a atacar a visão. Adiante.
Adorei este casaco, tive que adaptar uma estratégia para a barra do botão não se abrir para fora já que a mesma é bastante larga (segui as instruções) e ficava melhor com 2 botões do que apenas 1, no entanto eu improvisei um botão escondido logo em cima para manter a barra direita.
As instruções deste Girl Friday Cardigan são gratuitas e no post anterior a este podem encontrar o link para acederem a ele. 
Entretanto já fiz 2 boinas: uma para combinar (mais ou menos) com o casaco que fiz e outra para testar uma adaptação minha da Leaving Cowl da Maria Olsson.
Estou também a tricotar umas meias para o meu marido, as Envy Socks.
Nota-se muito que tenho compensado as saudades que tive das agulhas ?
Boa semana para vocês !













19 de janeiro de 2017

Girl Friday Cardigan

Tenho em mãos desde à duas semanas um casaco para mim, era para ter pegado logo nele após o Natal mas andei com problemas num dos olhos por mais duas vezes, antes e depois do Natal e sinceramente tive de esperar melhorar o incómodo, entretanto ainda mantenho parte do problema e ainda nem sei bem o que me espera dos resultados dos exames que fiz.... Mas falando no casaco, o manter o tratamento até hoje tem-me permitido tricotar sem medos e abracei este projecto a tempo inteiro (pelo meio e de vez em quando estou tricotando umas meias para o meu marido - neste momento falta-me começar a 2ª meia). No momento que escrevo estou na metade da 1ª manga, ou seja, depois de a terminar fica em falta mais uma manga isto porque já tenho costas e frentes concluídas. Depois tenho que bloquear as peças, costurá-las e fazer o colarinho e barra de botões. Nesta última parte espero reconciliar-me com o apanhar malhas já que tive sempre problemas em apanhar o nr certo de malhas para não alargar nem encolher demasiado a peça. Estive a pesquisar e pelos vistos existe uma 'fórmula' para o fazer, principalmente em ourelas em meia: apanhar 3 malhas e deixar passar uma e assim sucessivamente. Veremos como corre, primeiro as mangas ! ;o)
O modelo é o Girl Friday, da designer Mercedes Tarasovich. Até agora estou a adorar, o esquema já o tenho memorizado. Nas mangas os aumentos foram pacíficos mas depois dessa parte dei-me conta que seguindo o esquema iria tender a fazer aumentos sem me dar conta disso, desmanchei umas carreiras e tratei de estar com mais atenção. Aparte deste pormenor as instruções estão muito bem desenhados/escritos e só é pena ser feito em várias peças, pois gosto muito de peças sem/ com poucas costuras e esta até nem me parece muito difícil de adaptar, muito pelo contrário, mas para não complicar demasiado resolvi fazer como as instruções mandam. Mostro fotos de como o casaco tem estado a crescer:







9 de janeiro de 2017

2016 em imagens

Eis que 2016 foi um ano de 36 começos e fins ! 36 peças tricotadas. As fotos estão um pouco misturadas e não reflectem a ordem de execução. Apesar dos pesares foi um ano bom no tricot. Sinto que evolui em vários aspectos mas sobretudo tento não planear muito, começar poucos e terminá-los sempre e o mais rapidamente possível. Os únicos trabalhos deste ano que transitaram para o de 2017 foram apenas 2 pares de meias: um já terminei e o outro par está no fim da 1ª meia ;o)

17 ficaram aqui por casa:
♥6 pares de meias para mim
♥1 par de meias para o meu marido
♥4 bonecos
♥2 xailes
♥1 gorro
♥1 luva sem pontas dos dedos
♥1 decoração de Natal
♥1casaco criança

19 trabalhos foram oferecidos:
♥5 bonecos
♥4 xailes
♥8 meias
♥1 luva sem pontas dos dedos
♥1casaco-quimono e fiz cinto em tricot para completar


No 1º bloco enganei-me e coloquei a imagem dos bonecos que fiz a retratar a minha família como sendo um trabalho para o Natal de 2016, mas foi do de 2015 ;o)

 


31 de dezembro de 2016

Até para o ano !

Este foi um ano cheio de tudo, mas por mais que queira ressaltar o que de bom aconteceu nas minhas agulhas, nos meus tempos livres, foi um ano que me deu alguns contratempos. Tenho estado pouco pelo blog, tive que optar pelo tempo para tricotar ao invés do de publicar no blog... E depois já conto com 4 inflamações no olho esquerdo (uveítes) que me tiraram o sono e a possibilidade de fazer o que mais gosto para ocupar os meus tempos livres, tricotar... Tive duas num espaço de 8 dias, antes do Natal e nesta semana que passou. Agora tenho a noção de que não se deve a esforço meu de tricotar, mas o meu corpo que está confuso e a mandar sinais errados... Espero que 2017 seja generoso em resposta a este problema e simpático também para poder abraçar novos projectos que gostava de concretizar. O meu muito obrigada a quem por aqui passa e procura novidades e respostas a algumas dúvidas.  Até para o ano 😁!

E depois de publicar este post noto que este blog já conta com 200 mil visualizações, tantas !!! 😊😀

 O meu último xaile do ano Sea Leaves Shawl, instruções gratuitas do Ravelry http://www.ravelry.com/patterns/library/sea-leaves







29 de novembro de 2016

A 'trabalhar' para o Natal

Consegui regressar aqui ainda antes de fazer 1 mês desde a ultima vez e espero que futuramente encontre mais tempo para me sentar aqui e escrever. Como já devem de saber ando mais activa no instagram e lá até tenho publicado sobre temas que se afastam do que publico aqui no blog.
Ora venho aqui mostrar o que já entrou e saiu das agulhas neste quase 1 mês de ausência por aqui ;o)

Meias em lã mais grossa, feitas com as sobras dos bonecos que tenho tricotado, de lã de alpaca ou lã ovelha, ou de mistura das duas. E garanto são muito confortáveis de vestir.

Com FishLips Kiss Heel nos dedos e calcanhar



Dediquei-me a um trabalho antigo que já quis que fosse muita coisa mas que se transformou num calendário de 1 a 25 de dezembro. Adicionei-lhes  números em feltro, botões para pendurar o sino em tricot que irá tocar todos os dias que passam, e colei os bonecos/flores/folhas/cogumelos que tricotei no ano passado que retratam a minha família. Tricotei mais alguns adereços e por incrivel ainda está em execução pois queria adicionar 'Feliz' em cima e 'Natal' em baixo mas ainda não me dediquei a isso...




Inicialmente apliquei o calendário a uma esponja mais grossa mas não fiquei 100% satisfeita e depois apliquei a uma almofada mais fina e aí fiquei mesmo satisfeita ;o)

Iniciei 3 pares de meias (um deles é resultado de um desmancho que fiz numa meia que mostrei no post anterior a este) Todos estes modelos são super fáceis de executar e pela alternância de carreiras em canelado (no caso das duas ultimas) ou da utilização do ponto liga para 'vincar' formas conseguem-se efeitos muito bonitos.

As Minecraft Socks (uma meia já está)

As Syncopation Socks ( uma meia já virou o calcanhar)


As Envy Socks (quase a chegar ao calcanhar)



Terminei as minhas meias Crystals, combs and Cables, e depois de ter perdido algum tempo a adicionar as missangas decidi não fazê-lo, as missangas que tinha era muito pequenas e só com uma linha de costura consegui colocar nas malhas mas demorava demasiado tempo que perdi a vontade de o fazer... Adoro estas meias de paixão !
Estes são os bloqueadores de meias que fiz, são feitos em cartão forte colado com cola quente a outro cartão e depois vesti uma meias collant que nunca me serviram, atei com uma argola feita de uma tira circular da meia collant e assim não tenho que andar num veste e despe de meias para vos mostrar ;o)

Neste últimos dois dias tenho avançado um xaile com barras horizontais alternadas de liga e meia e tiras de ponto inglês: o Criss Cross Scarf. Como resultado do meu afastamento deste xaile perdi umas valentes horas a tentar reaprender o pontos inglês que com este trabalho aprendi e agora estou a todo o vapor... acho que nem tão cedo me esqueço deste ponto.

Entretanto fiz um sofá para alguns bonecos de uma caixa forrada com um bocado de uma camisola velha já que andei a cortar malhas antigas para fazer um presépio cá para casa.

Algo que fiz que não tricotei a propósito foi um presépio para a nossa casa, a casinha são duas caixas estreitas em pé tudo forrado com papel kraft. Cobertura em malha grossa e tiras em malha feltrada de uma camisola de bebé que encolheu...
Virgem Maria, são José e Menino Jesus e Reis Magos feitos com rolos de papel higiénico, decorados com feltro e lã.
Vaca/boi e burro feitos com caixas de ovos e forrados com tecido/enchimento de peluches velhos
Mostro-vos algumas imagens de como ficou e de como era mais no princípio da execução ;o)





Ainda pretendo fazer mais um ou dois pares de meias, a ver como correm os próximos dias ;o)
Até breve !